Sob risco novamente, a Coreia do Norte já foi bombardeada pelos EUA.

A Coreia do Norte hoje parece um país impenetrável. Pelo menos, nenhuma das estratégias de um ataque militar no país lograria êxito sem acarretar grandes riscos e perdas em vidas humanas para a região, principalmente, para a vizinha Coreia do Sul e Japão. Mas, em plena Guerra Fria, durante a guerra das Coreias, a Coreia do Norte foi quase 100% devastada por bombardeios americanos. O país viveu praticamente por três anos literalmente em chamas sob bombas lançadas pelos Estados Unidos. A ordem do comando americano era atacar tudo que se movia, assim, durante três anos, o país comunista foi duramente submetido a incessantes bombardeios, onde aproximadamente 20% da população de civis morreram. Durante a guerra, como meio de defesa, a Coreia passou a cavar profundos abrigos subterrâneos e a maioria deles estão ativos até hoje.

Este é um episódio pouco lembrado na história das guerras no século XX, mas marcou profundamente ambos os lados e hoje é combustível ideológico que alimenta o ódio norte-coreando aos americanos.

Saiba mais sobre esta história.

Deixe um comentário